quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Premiadas




ANUNCIANTE: PETROBRAS DISTRIBUIDORA
PRODUTO: PATROCÍNIO
TÍTULO: HOJE/ MILHÕES DE PESSOAS ACORDARAM ACHANDO...
DIRETOR DE CRIAÇÃO: CHIQUINHO LUCCHINI / EDUARDO ALMEIDA
DIRETOR DE ARTE: RODRIGO RIBEIRO
REDATOR: MARCOS BASSINI
PRODUTOR GRÁFICO: LUIZ EDUARDO CARNEIRO
FOTO: ADERI COSTA
APROVADO POR: MÔNICA VICENCIO
AGÊNCIA: QUÊ COMUNICAÇÃO

o que está escrito embaixo:
"Hoje milhões de pessoas acordaram achando o Rio ainda mais bonito.
A Petrobrás tem o maior orgulho de ver os produtos Lubrax, cartão Petrobrás, e Podium na camisa rubro - negra .Ou melhor na camisa do campeão carioca de 2007."



ANUNCIANTE: IBAMA
PRODUTO: MEIO AMBIENTE
TÍTULO: COMA/ BEBA ÁGUA, AGORA COMA DE NOVO...
DIRETOR DE CRIAÇÃO: CHIQUINHO LUCCHINI / EDUARDO ALMEIDA
DIRETOR DE ARTE: DURVAL FILHO
REDATOR: EDUARDO ALMEIDA
PRODUTOR GRÁFICO: LUIZ EDUARDO CARNEIRO
APROVADO POR: ROGÉRIO ROCCO
AGÊNCIA: QUÊ COMUNICAÇÃO

embaixo dela está escrito :
"Imagina a vida inteira fazendo isso.
É assim que um pássaro leva a vida em uma gaiola."

domingo, 21 de setembro de 2008

O que a rede Globo não divulga

Recebi um email falando que existe uma biblioteca digital desenvolvida em software livre, mas que está prestes a ser desativada por falta de acessos.

Um lugar onde pode GRATUITAMENTE:

· Ver as grandes pinturas de Leonardo Da Vinci ;
· escutar músicas em MP3 de alta qualidade;
· Ler obras de Machado de Assis Ou a Divina Comédia;
· ter acesso às melhores historinhas infantis e vídeos da TV ESCOLA


Esse lugar existe!

O Ministério da Educação disponibiliza tudo isso,basta acessar o site:



www.dominiopublico.gov.br

Só de literatura portuguesa são 732 obras!

Estamos em vias de perder tudo isso, pois vão desativar o projeto por desuso, já que o número de acesso é muito pequeno. Vamos tentar reverter esta situação, divulgando e incentivando amigos, parentes e conhecidos, a utilizarem essa fantástica ferramenta de disseminação da cultura e do gosto pela leitura.

É MELHOR FAZER PROPAGANDA DOS BBBs E DAS NOVELAS, POIS, O POVO ASSISTE E FICA BURRO, E ASSIM É MAIS FÁCIL DE SER ENGANADO!

sábado, 20 de setembro de 2008

Lembranças inesquecíveis =)

Conversando com amigos, e relembrando velhas propagandas e desenhos da nossa época (tá não sou tão velha, tenho só 20 anos, mas do jeito que as coisas estão o que é novidade jájá é considerado ultrapassado), enfim... fui procurar no youtube... e achei vários vídeos antigos, e encontrei esse muito legal, relembrando totalmente a minha infância... muito bom!!


video

Escher

Mauritus Cornelis Escher, nasceu em Leeuwarden na Holanda em 1898, faleceu em 1970 e dedicou toda a sua vida às artes gráficas. Na sua juventude não foi um aluno brilhante, nem sequer manifestava grande interesse pelos estudos, mas os seus pais conseguiram convencê-lo a ingressar na Escola de Belas Artes de Haarlem para estudar arquitectura. Foi lá que conheceu o seu mestre, um professor de Artes Gráficas judeu de origem portuguesa, chamado Jesserum de Mesquita.

Com o professor Mesquita, Escher aprendeu muito, conheceu as técnicas de desenho e deixou-se fascinar pela arte da gravura. Este fascínio foi tão forte que levou Mauritus a abandonar a Arquitectura e a seguir as Artes Gráficas. Quando terminou os seus estudos, Escher decide viajar, conhecer o mundo! Passou por Espanha, Itália e fixou-se em Roma, onde se dedicou ao trabalho Gráfico. Mais tarde, por razões políticas mudou-se para a Suíça, posteriormente para a Bélgica e em 1941 regressou ao seu país natal.

Estas passagens por diferentes países, por diferentes culturas, inspiraram a mente de Escher, nomeadamente a passagem por Alhambra, em Granada, onde conheceu os azulejos mouros. Este contacto com a arte árabe está na base do interesse e da paixão de Escher pela divisão regular do plano em figuras geométricas que se transfiguram, se repetem e reflectem, pelas pavimentações. Porém, no preenchimento de superfícies, Escher substituía as figuras abstracto-geométricas, usadas pelos árabes, por figuras concretas, perceptíveis e existentes na natureza, como pássaros, peixes, pessoas, répteis, etc.

Escher, sem conhecimento matemático prévio mas através do estudo sistemático e da experimentação, descobriu todos os diferentes grupos de combinações isométricas que deixam um determinado ornamento invariante. A reflexão é brilhantemente utilizada na xilografia.

Essa é a história do grande escher, se vocês procurarem no google, ou no youtube vão encontrar vários desenhos e pequenos filmes como esse aqui de baixo. É uma grande mistura do real com o imaginário...


video

fonte do texto: blog do prof wladimir

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Fernandinho da US Top

A Talent criou, em 1984, um dos comerciais que entraram para a história da propaganda brasileira: “Fernandinho”, para o US Top. Até hoje, é capaz de você encontrar alguém falando o famoso bordão “bonita camisa, Fernandinho”.


video

Criar personalidade para as camisas US Top, mostrando que a marca transcendia aos conhecidos jeans. Esta foi a missão passada pela Alpargatas para a Talent, em 1984.

Na agência, a dupla Ruy Lindenberg e Marco Túlio Fagim desenvolveu um personagem de forte empatia com o homem comum, sem atributo físico ou intelectual excepcional, mas que sabia escolher adequadamente suas roupas e, assim, conquistava reconhecimento social superior. O slogan resumia a idéia: “O mundo trata melhor quem se veste bem”.

Para levar tal enredo ao vídeo, o protagonista Fernandinho foi encarnado pelo ator Damy Roland, integrante da banda de rock Metrô, que fez sucesso nacional na década de 80. O chefe que elogiava a elegância do subordinado (“Bonita camisa, Fernandinho!”) era interpretado pelo ator e diretor italiano, radicado no Brasil, Nello de Rossi (que atualmente comanda uma cantina, que leva seu nome, no bairro paulistano de Pinheiros). A magia se completou com a tarimba de Dorian Taterka, que dirigiu o antológico primeiro filme, que deu origem a uma série de outros sete, sempre com o mesmo approach vitorioso.


fonte: http://blogcitario.hitechlive.com.br/

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

M&M’s e suas lendas urbanas!


Os chocolates M&M’s, ao longo dos anos, ganharam uma série de manias criadas pelos próprios consumidores. Pequenas lendas urbanas, que dizem que se o último M&M do pacote for um vermelho você deve fazer um pedido antes de comê-lo, se for um laranja terá boa sorte, se for um marrom terá má sorte, entre outras.
A Mars Snackfood (subsidiária da Masterfoods), fabricante dos M&M’s, sempre se adiantou em dizer que esses “rumores” foram todos criados por estudantes americanos na década de 1970, que rapidamente se espalharam.
O M&M verde também tem sua própria lenda urbana. Segundo dizem por aí, ele teria propriedades afrodisíacas. A própria Mars Snackfood brincou com isso em 1997, com um comercial que perguntava: “What is it about The Green Ones?”. Foi nesse mesmo ano que lançaram a primeira personagem feminina de suas campanhas, representando justamente o M&M verde.
No ínicio dos anos 1990 uma empresa chamada Cool Chocolates Inc. se aproveitou da lenda e lançou um chocolate idêntico aos M&M’s, mas que vinha somente na cor verde. Chamava-se “The Green Ones”. Imitava o formato, embalagem e personagens de M&M’s. Obviamente, não demorou muito para ser processada.
Outra curiosidade em torno dos verdes, é que em 1976 nos Estados Unidos, quando a FDA baniu o uso do corante “red dye #9″, a Mars Snackfood teve que retirar temporariamente os M&M’s vermelhos do mercado. Isso fez com que logo concluíssem que o poder afrodisíaco não estava nos verdes, já que os funcionários da fábrica de M&Ms estavam “embolsando” os vermelhos diretamente na linha de produção.
Agora, em 2008, a Mars Snackfood aproveita mais uma vez a lenda urbana em torno dos M&M’s verdes e anunciou o lançamento de uma edição limitada apenas com a cor, em comemoração ao Valentines Day, o dia dos namorados americano.
Quando uma marca ouve seus consumidores, e entra numa brincadeira como essa, só tem a ganhar. Cria proximidade e ajuda a manter a aura cool que os M&M’s já carregam há um bom tempo.

"Aqui a natureza é a estrela"

Com esse título a Hortifruti está sendo veiculada no Rio de Janeiro desde do ano passado, mas já se espalhou na internet em todo Brasil devido às excelentes paródias com títulos de filmes. A criação é da agência MP PUBLICIDADE.

Segue algumas que eu encontrei...








Comercial Havaianas com Lázaro Ramos


video


Muito simples e criativo... típico dos comerciais das havaianas! Adorei !!!

Novo comercial das sandálias Havaianas, criado pela AlmapBBDO e estrelado por Lázaro Ramos.
Informações sobre este comercial em:
http://www.vitrinepublicitaria.net/noticiasdomercado2.asp?menucodigo=2057

Lixo Tecnológico




As pessoas normalmente confundem inclusão digital, acesso à tecnologia, com barateamento de computadores
e equipamentos tecnológicos em geral. Hoje é muito fácil comprar um celular, baratinho, parcelado e pré-pago (os que mais dão lucro às operadoras). Um computador já não é tão acessível, mas ainda assim é muito barato se comparado aos micros de 2 anos atrás. Com mil reais, ou melhor, com parcelinhas de 50 reais que cabem no seu bolso, leva-se um desktop de modesto poder de fogo, mas suficiente para iniciantes.

O grande problema dessa enxurrada de computadores e outros equipamentos baratinhos no mercado é a qualidade, que nem sempre está tão acessível. Quanto mais baratos os computadores, menos confiáveis são os componentes ou menos recursos essas máquinas oferecem (ou ambas as coisas). E como entramos na cultura do descartável, sai muito mais barato comprar um novo mouse, uma nova placa de som, de vídeo ou modem (as mais baratinhas), quando eles pifam.

E para onde vai esse lixo? Se nem mesmo o tradicional lixo reciclável já conhecido (papel, plástico, vidro e metal) é corretamente separado e recolhido, que diriam das pilhas, lâmpadas fluorescentes e monitores de computador? Quem cuida desse lixo?

Se você não tem essas respostas, aqui vão algumas sugestões ...

Venda o que ainda estiver em boas condições

Pode ser que você olhe para um monitor de 15 polegadas e veja um lixo, mas tem gente que ainda precisa disso e pode pagar alguns trocados pelo seu usado. Uso próprio, pontos de acesso a Internet cooperativos, pontos de venda, quiosques diversos, são vários os destinos que seu equipamento pode ter e ser útil para alguém. Anuncie em sites de leilão. É a forma mais fácil de conseguir uns cobres.

Doe para alguém que faça bom proveito

Mesmo sem funcionar, seu computador antigo e jogado num canto pode ser útil para outras pessoas. Às vezes é um conserto tão ridículo, mas que você não tem interesse em fazê-lo e isso vai acumulando poeira e ocupando espaço útil embaixo de sua mesa de trabalho. Doe!

Faça arte ou deixe alguém fazer

Tem coisa que não tem conserto e muitas vezes é muito caro reciclar. Um pente de memória queimado, por exemplo, tem pouco metal a ser reaproveitado, sua recuperação é quase impossível mas seus componentes são poluentes. Que tal transformá-lo num chaveiro hi-tech? Além de bonito e "estiloso", você ainda pode fazer um dinheirinho, se tiver outras coisas e jeito para artesanato.

Essas poucas ações podem não aparentar tanta importância num primeiro momento, mas representam muito para quem se beneficia delas - principalmente o meio ambiente. ;-)

fonte:http://yahoo.com.br

sábado, 6 de setembro de 2008

Novas tecnologias: como usar

Usuários expõem intimidade e reclamam de invasão de privacidade

Publicado em 28/04/2006 - 00:01



É verdade que não há nada mais libertador do que um espaço onde você pode divulgar o que quer, expressar tudo o que pensa, sente, compartilhar suas ideologias e crenças publicamente - sem precisar ter a grana da Rede Globo para tal. Também não há sentimento mais reconfortante do que o de poder conectar pessoas de todo o planeta, conversar com elas em tempo real, a qualquer momento. É maravilhosa a possibilidade de acessar informações vindas de todos os cantos do mundo, visitar bibliotecas, museus, sem sair de casa.

E o prazer de pode encontrar qualquer pessoa e ser encontrado em qualquer canto, a qualquer hora, sem precisar ficar plantado em casa esperando uma ligação? Mais: saber quem está chamando antes mesmo de atender o telefone - seja pelo toque personalizado, pelo bina ou até pela foto da pessoa no visor do aparelho?

Sem dúvida, a Internet é o veículo mais democrático que já existiu. E as novas tecnologias de comunicação, como celulares, vêm nos proporcionando uma sensação de segurança e controle jamais vistos antes. Além da sensação de nunca estarmos sós. Mas, sabe aquela história de que "a minha liberdade acaba quando começa a do outro"? Parece que as pessoas estão tendo dificuldade em lidar com isso, perdidas diante de tamanha liberdade.

Peraí, liberdade? E o tal controle? Até que ponto estamos controlando ou sendo controlados? Afinal, a popularização de filmadoras, celulares com câmeras, máquinas fotográficas digitais, entre outras tecnologias, blogs e sites de relacionamento faz de cada pessoa uma potencial ameaça à privacidade dos outros. Enfim, o que a Internet e as novas tecnologias de comunicação têm feito de nós?

"A Internet não cria nada, é apenas um espelho da sociedade, só mostra o que já existe", explica Erick Itakura, psicólogo e pesquisador do NPPI (Núcleo de Pesquisa da Psicologia em Informática) da PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo). Segundo ele, não é à toa que 70% dos 17 milhões dos usuários do Orkut são brasileiros. O fato reflete uma característica cultural. "O brasileiro gosta de se mostrar, 'aparecer', de ser 'social'. Já os norte-americanos e europeus privilegiam mais a privacidade", explica, o que mostra que a Internet não está modificando nossa noção de privacidade, apenas reproduzindo qual é a nossa real concepção sobre privacidade e até que ponto a valorizamos.

Segundo ele, a Internet em si não transforma ninguém em um voyuer, narcisista, exibicionista ou pedófilo. Tampouco o Orkut é culpado por agirmos como crianças de quinta-série competindo com os amigos para ver quem é mais sexy e popular. A rede só abre espaço para as pessoas que já são assim se mostrarem. "Todo ser humano tem certas características. As pessoas encontraram na Internet o lugar onde pode expressar essas necessidades", diz.

Dicas
"O Orkut é um 'Big Brother' virtual. Tem que saber se apresentar ali dentro", recomenda André Teles, autor do Livro do Orkut, onde dá dicas de marketing para que as pessoas tirem melhor proveito da ferramenta. Segundo Teles, as pessoas estão usando o orkut sem a consciência da falta de privacidade. É preciso ter muita cautela até por questões profissionais, já que os departamentos de Recursos Humanos das empresas estão usando o site de relacionamento para conhecer melhor o perfil das pessoas.

"É preciso ter consciência que o Orkut é uma espécie de homepage sua", alerta. E explica: "não que você tenha que passar a imagem do que você não é. Mas tem que se expor de forma que possa trazer benefícios para você".

Ele dá as dicas:

  • Fuja de comunidades do tipo "Odeio acordar cedo" e "Odeio o meu chefe";
  • Bloqueie o visualizador de perfil;
  • Se quer privacidade, não use os scraps (recados) do Orkut para procurar relacionamentos. Existem outras maneiras de fazer isso, como por e-mail;
  • Não divulgue seus telefones e msn.
fonte:http://yahoo.com.br

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Volte no tempo da Internet

O tempo na Internet passa de uma maneira muito rápida. Novas informações, novas tecnologias, novos sites, e cada vez mais leitores exigentes e com menos tempo. Acredito q todos os sites HOJE, não são iguais como no primeiro dia que foi ao ar. Às vezes a gente nem se lembra mais de como eram determinados sites há algum tempo.

Felizmente, existem pessoas que se preocupam em catalogar os sites e organizá-los cronologicamente, deixando disponíveis aos pesquisadores ou curiosos de plantão. Bateu uma saudade? Visite o Internet Archive Way Back Machine :)

Para usar o serviço, basta acessar o site do Web Archive e digitar o endereço do site desejado no campo disponível e clicar em Take Me Back (me leve de volta). A partir daí, escolha uma data que esteja catalogada e clique nela, para visualizar o site daquela época. Datas marcadas com "*" simbolizam mudanças de layout

Alguns sites podem apresentar imagens quebradas (ausentes), porque não existem mais ou mudaram de endereço. Isso é normal, estraga um pouco da experiência, mas a viagem ainda vale ;-).

Maionese derramada inspira display para ponto de venda



A Az4 Group, especializada na produção de displays publicitários e merchandising de varejo, é a responsável pelo material para ponto de venda da Hellman's Deleite, maionese à base de leite lançada recentemente pela marca.

Com 1,80m de altura, o display foi criado para ser exposto em supermercados e simula um derramamento do produto a partir do topo. A maionese "derramada" forma a estrutura da peça, que acolhe 60 frascos do produto. As formas curvilíneas dão aspecto moderno ao modelos.

fonte: www.meioemensagem.com.br/

terça-feira, 2 de setembro de 2008

CONFIRA SE A INTERNET 3G FOI FEITA PARA VOCÊ

Prós e contras!!

- Sem qualquer opção de serviços de banda larga na rua, no bairro ou na cidade onde o ‘desconectado’ vive, a internet 3G é a alternativa para ter uma internet rápida

- Caso a região não tenha cobertura 3G, também é possível optar pelo modem. A velocidade será menor, mas é melhor do que a discada

- Pessoa que precisa de mobilidade total. Não pára em casa durante o dia, mora sozinho e utiliza o notebook para se conectar à web em qualquer lugar

- O 3G servirá para se conectar durante o dia no trabalho, por exemplo, e à noite, em casa. O único problema é que a qualidade do sinal 3G varia em cada bairro

- É o que acontece na maioria dos casos. As pessoas em casa, sejam familiares ou amigos que moram juntos, precisam de uma banda larga fixa porque cada um tem sua rotina na web. Se algum dos membros precisa da internet 3G para se conectar em qualquer lugar, o ideal é não cancelar o plano de banda larga fixa

- O problema desse tipo de situação é o gasto extra. A família pagará duas mensalidades para que todos tenham acesso à internet

- Já assina uma banda larga com mais de 3 megabits por segundo (Mbps) de velocidade e precisa de uma conexão bastante veloz e estável para, por exemplo, fazer download e uploads de arquivos pesadíssimos, como filmes, em pouco tempo

- Nesse caso o 3G só trará frustração. A conexão raramente passa dos 1 Mbps. Além disso, nos testes do Link, em certos momentos os modems se desconectavam quando ligados ininterruptamente por muitas horas

- Tem um plano casado que inclui, por uma mensalidade única, internet rápida e algum outro serviço, como telefonia fixa e televisão por assinatura

- O problema aqui é estritamente financeiro. Os planos 3G de 1 Mbps custam R$ 99,90. Por um valor próximo a esse, é possível ter internet banda larga em casa e mais um dos outros serviços: telefone ou TV a cabo. Não faz sentido pagar mais para ter uma internet mais lenta e ainda ter de assinar separadamente a TV

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

TV Digital: Agora é pra valer

Andrea Kelly

No próximo dia 02 de dezembro a televisão brasileira entra na era da TV Digital. O lançamento será na Grande São Paulo e a previsão é que até 2013 esteja em funcionamento em todo o Brasil. Assim como na década de 70, onde as emissoras e a sociedade se reinventaram com as imagens coloridas, o sistema digital promete, já no primeiro momento, revolucionar a forma de ver e fazer televisão.

A primeira e mais importante mudança será a qualidade da imagem recebida. No sistema digital não existirão mais interferências ou imperfeições, pois a digitalização da imagem e do som transformará estes elementos em códigos binários (a mesma linguagem do computador) e permitirá que os sinais sejam transmitidos pelo ar, diretamente da torre para o receptor do telespectador.


O sistema digital também possibilitará aos usuários, num futuro próximo, a interatividade - participação em tempo real com os programas, a portabilidade e a mobilidade, ou seja, os conteúdos das emissoras chegarão em celular ou em notebooks, ou ainda em aparelhos de TVs especiais que poderão ser instalados nos ônibus, carros etc.

Para garantir a manutenção do padrão de qualidade dos programas e novelas, já que todos os detalhes serão visíveis, a TV Globo treina, há dois anos, seus profissionais dos departamentos de caracterização, de cenografia, de engenharia e de figurino. “O desafio agora é utilizarmos as técnicas aprendidas nos últimos anos para que o no nosso elenco continue lindo no vídeo”, constata Vavá Torres, supervisor de caracterização da TV Globo.